Passeios de trem trazem charme do passado, com direito à taça de vinho

Passeios de trem trazem charme do passado, com opções de pequenas rotas

A pandemia fez muitos brasileiros adaptarem seus conceitos de viagem. Isso quer dizer que nem tudo precisa ser feito de avião. Pelo contrário, há muitas opções de viagem de carro ou até mesmo de trem. E é sobre este último que falaremos neste artigo.

Passeios de trem trazem charme do passado

Quem nasceu a partir da década de 2010, por exemplo, muito provavelmente jamais viu um trem, daqueles de cidade interior, de perto. Mas a boa notícia é com a pandemia os passeios de trem trazem charme do passado. Ou seja, a hora de embarcar nessa viagem ao tempo é agora. Esses tipos de viagem têm sido essenciais para a retomada do turismo em diversas regiões do país.

Um exemplo disso é o passeio na Maria Fumaça mais antiga do estado de Minas Gerais, que liga a cidade de Tiradentes a São João del-Rei. O trajeto engloba a antiga Estrada de Ferro Oeste de Minas, inaugurada em 1881 por Dom Pedro II. Ela abre caminho entre o Cerrado e a Mata Atlântica. Neste caso, o viajante tem a oportunidade de contemplar a arquitetura do século XIX a bordo do trem e suas lindas paisagens.

Além disso, também é possível conhecer o Museu Ferroviário e a Rotunda, o giro manual da locomotiva que preserva o costume dos tempos do Império. Essas duas cidades mineiras estão entre as principais históricas e reúnem vários patrimônios culturais brasileiros.

Vale lembrar que há quase um ano o Trem da Serra da Mantiqueira (também em MG) voltou a operar com a flexibilização da pandemia. O trajeto abrange outra Maria Fumaça, o Trem das Águas. Ele faz o caminho entre São Lourenço e Soladade de Minas. E ainda segue bem próximo do Rio Verde e percorre um total de 10km em duas horas de passeio (ida e volta).

Interior de SP

Já no interior de São Paulo, os passeios de trem trazem charme do passado, especificamente, sobre as cidades paulistas de Salto e Itu. A primeira, na Estação Ferroviária de Salto, os trilhos ligam-se à cidade vizinha Itu. Recentemente, o trajeto foi totalmente revitalizado com recursos do Ministério do Turismo, com investimento de quase R$ 2 milhões.

Outro trajeto paulista fica em Guararema, com a estação centenária de Luís Carlos, que é feito a bordo da locomotiva 353, popularmente chamada de “Velha Senhora”. Além disso, ela pertencia à Estrada de Ferro Central do Brasil e fazia o caminho entre São Paulo e Rio de Janeiro. Isso tudo contribuiu muito para o desenvolvimento da cidade de Guararema. O passeio tem duração total de duas horas.

Rota do vinho

E não é apenas a região Sudeste que traz pelas paisagens a bordo de trens do passado. O Sul do país conta com o Trem do Vinho, no Rio Grande do Sul. Esta é uma das grandes atrações da Serra Gaúcha. Neste caso, a Maria Fumaça liga as cidades de Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa em um percurso que revive a cultura italiana no Brasil.  

A atração percorre 23 quilômetros e tem duração média de 90 minutos. Além disso, os turistas são recebidos com música e degustação de suco de uva, vinho e espumante.

Mais da região Sul

No Paraná, a viagem sobre trilhos que liga as cidades de Curitiba e Morretes é bastante procurada por viajantes e moradores da região. Ele é considerado um dos passeios ferroviários mais bonitos do mundo, a viagem atrai ainda milhares de turistas em busca das belezas naturais da Serra do Mar. E tem um atrativo a mais: quem quiser pode “estender” o passeio e embarcar no Trem Caiçara que liga Morretes à cidade histórica de Antonina, também no Paraná.

Esta é a locomotiva a vapor mais antiga em operação regular no país, que voltou a operar depois de 30 anos sem dar partida. Mas agora leva turistas por meio de um trajeto de 16 km pelas lindas paisagens do litoral paranaense.

Hospedagem

Por fim, uma dica valiosa. Como os trajetos de passeios de trens são curtos, eles não possuem vagões-dormitórios. Portanto, aproveite para se hospedar em uma cidade próxima dos locais onde há passeios de trem. A plataforma de viagens Zarpo costuma oferecer descontos em hospedagens de seus parceiros, saiba mais em seu site oficial.

*Foto: Divulgação